Quem são os YouTubers mais famosos e quanto eles ganham?

Já se perguntou como algumas pessoas enriqueceram com o YouTube? Trata-se, basicamente, de uma plataforma de vídeo, o mesmo lugar em que as pessoas pesquisam como dar um jeito no vazamento do ralo e ouvem música. A maioria das pessoas não consideraria o YouTube como uma opção de carreira, quem dirá uma que possa pagar milhões por ano.

Neste artigo, veremos alguns dos primeiros YouTubers. Abordaremos também os YouTubers mais ricos de 2019 e veremos como as estrelas do YouTube ganham dinheiro e como o Brave contribui para as formas como os YouTubers monetizam suas contas. Além disso, explicaremos as vantagens de usar o navegador Brave para fazer doações aos seus canais favoritos do YouTube.

Quem foram os primeiros YouTubers famosos?

Em 2007, o YouTube iniciou seu programa de parceria como uma forma de ganhar dinheiro com anúncios e remunerar estrelas populares do YouTube. A maioria dos parceiros do programa ganha algumas centenas de dólares por mês, mas outros são muito mais bem-sucedidos e tornaram-se os primeiros milionários do YouTube.

O YouTube alcançou o sucesso rapidamente, e as primeiras estrelas do YouTube logo descobriram que havia muito dinheiro a ser ganho na plataforma.

Quais eram os vídeos e YouTubers mais famosos em 2007? Os primeiros vídeos populares certamente não tinham a mesma alta qualidade dos vídeos atuais em HD, mas as primeiras estrelas do YouTube tinham o mesmo comportamento excêntrico dos principais YouTubers atuais.

Geriatric1927 era Peter Oakley, um YouTuber britânico que falava sobre sua vida, inclusive sobre o período que passou nas forças armadas durante a Segunda Guerra Mundial. Ele alcançou a fama rapidamente em 2006 e tornou-se um dos criadores de conteúdo com mais inscritos na plataforma.

Um dos vídeos mais vistos em 2007 apresentava duas lontras de mãos dadas e flutuando juntas. Em poucas semanas, o vídeo acumulou mais de 1 milhão de visualizações.

Em 2009, os YouTubers incluíam comediantes, músicos e noticiários sarcásticos. De ShaneDawsonTV a NigaHiga, os YouTubers ainda estavam descobrindo como a plataforma poderia ser lucrativa.

Um ano mais tarde, em 2010, estimava-se que os principais criadores do YouTube ganhassem entre US$ 100 mil e US$ 200 mil por ano, quantia substancial para uma plataforma on-line bastante nova. Usuários como Smoosh, ToyMusic e Dane Boedigheimer criavam vídeos bem-humorados, e a receita estimada deles naquele ano já era considerável.

Quem são as principais estrelas do YouTube atualmente?

Uma década depois, o mundo do YouTube é drasticamente diferente. Em 2019, o principal criador de conteúdo do YouTube foi Ryan Kaji, que ganhou US$ 26 milhões. Ryan Kaji tinha apenas 8 anos de idade em 2019; seu canal, “Ryan’s World” (O Mundo de Ryan), contém vídeos de unboxing e testes com brinquedos.

Em segundo lugar ficou o canal “Dude Perfect”, composto de cinco amigos fazendo proezas e quebrando recordes mundiais do Guinness. A receita do canal em 2019 foi de US$ 20 milhões. Quem ficou na terceira posição foi Anastasia Radzinskaya, da Rússia, que sofre de paralisia cerebral. Com apenas 5 anos de idade em 2019, ela faturou um valor estimado de US$ 18 milhões.

  1. Ryan Kaji: US$ 26 milhões O canal Ryan’s World conta com 25,2 milhões de inscritos. Dito isso, o conteúdo é, como era de se esperar, infantil. Ryan desembrulha brinquedos, joga games e apresenta quebra-cabeças para divertir as crianças. Seu canal original expandiu-se e hoje ele tem outros oito canais, transformando o Ryan’s World em um pequeno império.
  2. Dude Perfect: US$ 20 milhões Já faz um tempo que eles estão no ar, mas seus lances e proezas que batem recordes continuam atraindo o público. Um público de mais de 50 milhões, para ser mais exato.
  3. Anastasia Radzinskaya: US$ 18 milhões O que uma menina russa de 5 anos de idade ganha no YouTube? 55,6 milhões de seguidores e vários canais afiliados. Like Nastya, o canal principal, conta a história de Anastasia e sua vida com paralisia cerebral. Ao todo, Anastasia tem mais de 120 milhões de seguidores em seus seis canais.
  4. Rhett e Link: US$ 17,5 milhões Rhett e Link estão no ar desde os primórdios do YouTube, sendo duas das poucas estrelas originais a manterem posição de destaque por tanto tempo. Sua combinação de amizade e humor faz com que o público se mantenha interessado em mais conteúdo.
  5. Jeffree Star: US$ 17 milhões Outra estrela do início das redes sociais, Jeffree Star começou no MySpace. Ele conquistou mais sucesso no YouTube, com milhões de seguidores, e agora tem a própria linha de cosméticos.
  6. Preston: US$ 14 milhões Preston Arsement mantém servidores do Minecraft que rendem quantias na casa dos sete dígitos todos os anos. Nas horas vagas, ele cria vídeos sobre jogos no YouTube para seus milhões de seguidores.
  7. PewDiePie: US$ 13 milhões O famigerado ex-n° 1 do YouTube ainda tem muitos seguidores e, é claro, seus ganhos refletem isso.
  8. Markiplier: US$ 13 milhões Jogos… e agora vestuário! Markiplier lançou uma linha de roupas para gamers como uma forma de rentabilizar seu sucesso no YouTube.
  9. DanTDM: US$ 12 milhões Um gamer britânico que começou com vídeos do Minecraft.
  10. VanossGaming: US$ 11,5 milhões Um canadense que faz compilações de “momentos engraçados” de videogames, incluindo o Grand Theft Auto V e a série Call of Duty.

O fato de os gamers ocuparem tantas posições no top 10 demonstra o persistente apelo dos jogos para o público atual.

Como os YouTubers ganham dinheiro?

Originalmente, um YouTuber bem-sucedido ganhava dinheiro por meio de anúncios. Hoje, o YouTube fica com 50% da receita dos anúncios, e mais pessoas conseguem optar por não verem esses anúncios. Isso forçou os criadores de conteúdo da plataforma a procurar outros métodos para gerar receita.

YouTubers para além do vídeo

Em vez de dependerem exclusivamente dos anúncios, muitos YouTubers geram receita por meio de reconhecimento de marca e links de afiliados. Os YouTubers de moda e beleza costumam gerar receita por meio de links de afiliados, que remuneram os YouTubers pelo compartilhamento de links para sites de compras no varejo. Diferentemente dos produtos, os links de afiliados são uma forma de indicação. O criador de conteúdo é remunerado pelo site afiliado com uma porcentagem da compra.

Os cookies dos navegadores da internet têm um papel importante na remuneração, intencional ou não, de um YouTuber após um clique em um link de afiliado. Para um YouTuber ou outro criador de conteúdo, a vantagem dos links de afiliados é que a receita é contínua, desde que esses links sejam acessados e compras sejam feitas.

Os anúncios de marcas oferecem outra fonte de receita, em que as marcas pagam diretamente ao criador de conteúdo para que ele promova seus produtos. Com os anúncios de marcas, a marca paga uma quantia única a um YouTuber em troca da promoção. No caso de grandes YouTubers e grandes marcas, esse valor pode ultrapassar os US$ 20 mil por anúncio.

A concorrência cada vez maior e as constantes mudanças na maneira como o YouTube calcula visualizações e anúncios levaram os YouTubers a procurar fontes de receita fora do YouTube. Uma das mais recentes novidades é o Patreon. uma plataforma que permite que as pessoas apoiem diretamente os criadores de conteúdo, patrocinando-os em troca de acesso especial a conteúdo futuro.

Brave: criando a nova economia da internet

A economia atual da internet utiliza a vigilância dos consumidores para rastrear seus hábitos, determinar suas tendências de compra e vender anúncios para você. Mas, como consequência dessa economia, temos uma experiência da navegação mais lenta e a possibilidade de rastreadores invasivos e várias formas de fraude.

O Brave oferece uma nova economia da internet, baseada na privacidade. Com o Brave, você mantém o controle dos próprios dados. Os rastreadores e anúncios externos são bloqueados, e você pode optar por ver anúncios conforme suas regras. Se você optar por ver anúncios, será recompensado com o Token de Atenção Básica (BAT) do Brave. Os BATs que você ganha são depositados na sua carteira segura das Recompensas Brave.

Com o BAT, o Brave reconhece que seu tempo e sua atenção têm valor real. Além de receber recompensas por optar pela visualização de anúncios, você também tem a possibilidade de recompensar outras pessoas ao descobrir conteúdo que realmente mereça sua atenção. Ao usar o Brave para assistir ao YouTube, você pode fazer doações aos criadores de conteúdo usando BATs. Suas contribuições não passam pelo YouTube, mas são depositadas diretamente na carteira do criador de conteúdo, proporcionando uma conexão muito mais próxima entre os criadores de conteúdo e o público deles.

As doações proporcionam aos YouTubers uma fonte direta de receita e a possibilidade de verem o nível de sucesso do conteúdo que produzem. Você pode doar ao criador de um vídeo do YouTube, independentemente de onde assista ao conteúdo, mesmo que seja em um link incorporado em outro site. A possibilidade de doar aos criadores de conteúdo não se limita ao YouTube. Você pode fazer doações para criadores de conteúdo no YouTube, no Twitter, no Reddit e em outros sites, e até mesmo criar doações recorrentes para suas estrelas favoritas nessas plataformas.

Conclusão

Ter um canal no YouTube pode render lucros e sucesso depois que você encontra a fórmula correta. Mesmo que você não chegue à lista dos “Dez mais bem pagos”, ainda poderá faturar uma receita considerável. O Brave expande a oportunidade dos aspirantes a YouTubers de terem seu conteúdo reconhecido e recompensado pelos usuários do Brave e de receberem apoio direto. Se você tem interesse em expandir seus lucros com o YouTube ou se quer recompensar seus YouTubers favoritos, baixe o navegador Brave e comece a ganhar BATs hoje mesmo.

Related articles

Ready to Brave the new internet?

Brave is built by a team of privacy focused, performance oriented pioneers of the web. Help us fix browsing together.

close
close

Quase lá…

Você está a 60 segundos da melhor privacidade on-line

Se seu download não for iniciado automaticamente. .

  1. Baixar o Brave

    Clique em “Salvar” na janela que aparecer e aguarde a conclusão do download.

    Aguarde a conclusão do download (talvez seja necessário clicar em “Salvar” em uma janela que aparecerá na tela).

  2. Executar o instalador

    Clique no arquivo baixado no canto inferior esquerdo da tela e siga as instruções para instalar o Brave.

    Clique no arquivo baixado no canto superior direito da ela e siga as instruções para instalar o Brave.

    Clique no arquivo baixado e siga as instruções para instalar o Brave.

  3. Importar configurações

    Durante a configuração, importe favoritos, extensões e senhas do seu navegador antigo.

Precisa de ajuda?

Tenha mais privacidade. Em qualquer lugar!

Baixe o Brave para dispositivos móveis para ter privacidade em qualquer lugar.

Download QR code
Brave logo Clique neste arquivo para instalar o Brave
Clique neste arquivo para instalar o Brave Brave logo