Por que a bateria do meu smartphone está acabando tão rápido?

Uma coisa é ter um smartphone antigo, mas quando a bateria do smartphone começa a se deteriorar, as consequências podem ser extremamente frustrantes. Você provavelmente notará que a carga não dura como antes ou que o smartphone demora mais para carregar do que no início.

Pode haver motivos externos para o carregamento lento; por exemplo, talvez o cabo de alimentação precise ser substituído. Mas, em determinado momento, parece que se o smartphone não está ligado no carregador, a bateria descarrega imediatamente. O que está havendo? Por que a bateria do smartphone está descarregando tão rápido?

Falaremos um pouco sobre por que as baterias se deterioram e o que isso significa para os tempos de carregamento e o desempenho geral do smartphone.

O que há na bateria de um smartphone?

Os smartphones estão melhorando e ficando cada vez mais rápidos, menores (ou maiores!) e mais finos. Porém, há uma desvantagem; embora a tecnologia dos smartphones continue melhorando, a bateria utilizada neles ainda é mais ou menos a mesma há anos, se não há décadas.

Todas essas melhorias cumulativas significam que a bateria não consegue acompanhar, em termos tecnológicos, os avanços do próprio smartphone. Os telefones celulares utilizam baterias de íon-lítio, e todas funcionam com o mesmo princípio; há um cátodo, um ânodo e algo que os separa, que impede que entrem em contato direto, mas ainda permitindo a passagem de elétrons.

Embora a tecnologia de íon-lítio tenha melhorado, ela só se tornou mais eficiente; não houve nenhuma grande revolução tecnológica.

Problemas comuns nas baterias de smartphones

A maioria dos problemas com baterias é resultado da degradação gradual. As baterias têm uma vida útil definida. A maioria dos fabricantes estima que as baterias modernas devam durar entre 500 e 800 ciclos, sendo um ciclo uma carga completa de 0% a 100%. Não que você deva sempre deixar a bateria se esgotar completamente para recarregá-la; as baterias de íon-lítio funcionam melhor quando utilizadas e carregadas na faixa de 20% a 80% da capacidade total.

Independentemente disso, em algum momento os constantes ciclos de carga e descarga começam a afetar a bateria do smartphone, que começa a se degradar. Quando isso acontece, a bateria se torna menos eficiente. Menos eficiência significa mais resistência na carga, que pode chegar aos casos extremos em que o smartphone se desliga porque precisa de mais energia do que há disponível.

Gerenciamento do uso de energia

Prolongar a vida útil da bateria não precisa ser algo complexo. Geralmente, os apps que você suspeita que consomem mais bateria são mesmo os culpados. Os apps de jogos e players de vídeo estão no topo da lista, enquanto os apps de mapas e navegação costumam ser executados em segundo plano, consumindo a carga silenciosamente.

O prolongamento da vida útil da bateria é uma combinação entre a redução da pressão e do consumo da bateria, sem sacrificar o desempenho.

Guia de otimização de baterias de smartphones

Veja a seguir uma lista de dicas e truques para aproveitar ao máximo a bateria do seu smartphone, dos mais fáceis até os mais técnicos.

1. Faça uma auditoria dos apps

Você pode ler mais informações sobre a importância de uma auditoria dos apps para manter a velocidade do smartphone, mas a ideia básica é verificar os apps que você tem instalados e as permissões que cada um deles tem. O monitoramento das permissões também pode ajudar a ver quais apps são os principais culpados pelo consumo de carga: apps que ativam o rastreamento geográfico ou que são executados em segundo plano.

2. Acompanhe a vida útil da bateria nas Configurações

Uma auditoria de apps revelará muito sobre seus apps e permissões. Com essas informações, acesse o menu Bateria, localizado no app de Configurações do seu smartphone. Dependendo do modelo de smartphone que você tiver, deverá haver uma lista com os apps que estão utilizando a bateria no momento. Essa lista informará os dados utilizados e a quantidade exata de carga consumida.

3. Exclua os apps desnecessários

Munido das informações da auditoria de apps e das configurações da bateria, você poderá começar a excluir os apps desnecessários ou que consomem dados em excesso. Comece pelos apps fáceis, como programas inúteis (chamados de “bloatware”) que já vêm instalados. Dê atenção especial aos apps que consomem muitos recursos, como seu navegador da web.

4. Substitua os apps necessários por outros que consomem menos carga

Alguns apps, como um navegador da web, são necessários. No entanto, talvez existam alternativas que consomem menos carga. O navegador Brave proporciona uma economia considerável de bateria, consumindo até 40% menos carga do que concorrentes como o Google Chrome. A instalação do Brave reduz a pressão causada na sua bateria, utilizando menos carga e prolongando a vida útil.

5. Teste algumas configurações avançadas

Se o modo de desenvolvedor estiver ativado no seu smartphone, você terá mais algumas opções avançadas à disposição. Realize testes com essas opções para ver se consegue fazer a bateria durar um pouco mais.

Limite o número de processos em segundo plano

Há, provavelmente, um número específico de processos em segundo plano permitidos por padrão, mas você pode reduzir esse número (ou desativá-lo totalmente). Isso forçará o smartphone a executar menos processos de cada vez.

Desative as atualizações automáticas

As atualizações automáticas seguem o mesmo princípio: são executadas em segundo plano, aumentando a sobrecarga da bateria. Desativar as atualizações automáticas fará com que você tenha um pouco mais de trabalho posteriormente, pois será necessário atualizar manualmente seus apps, mas você poderá economizar bateria (e dados!) nesse período.

6. Carregue a bateria apenas até 80%

Quanto mais carga houver na bateria, maior será a pressão sobre ela, e os últimos 20% da carga exercem a maior pressão sobre a bateria. Máquinas que utilizam baterias maiores, como carros elétricos, contornam isso recomendando uma carga de 80%, que ainda proporciona energia suficiente. Carregar o smartphone até apenas 80% pode ser difícil, pois a tendência é deixar o smartphone no carregador até o fim. Mas, se você quer mesmo poupar o máximo de carga da bateria, não deixe ela cair abaixo de 20% e tire o smartphone do carregador quando ela chegar a 80%.

Mude para um navegador que poupe a bateria

O Brave poupa mais de uma hora de duração da bateria se comparado com o Google Chrome. Ele também economiza dados móveis, protege seu histórico de navegação e suas informações pessoais e ainda recompensa você pela visualização de anúncios. Baixe-o hoje mesmo, monitore o uso da bateria e veja o quanto poupou!

Related articles

Ready to Brave the new internet?

Brave is built by a team of privacy focused, performance oriented pioneers of the web. Help us fix browsing together.

close
close

Quase lá…

Você está a 60 segundos da melhor privacidade on-line

Se seu download não for iniciado automaticamente. .

  1. Baixar o Brave

    Clique em “Salvar” na janela que aparecer e aguarde a conclusão do download.

    Aguarde a conclusão do download (talvez seja necessário clicar em “Salvar” em uma janela que aparecerá na tela).

  2. Executar o instalador

    Clique no arquivo baixado no canto inferior esquerdo da tela e siga as instruções para instalar o Brave.

    Clique no arquivo baixado no canto superior direito da ela e siga as instruções para instalar o Brave.

    Clique no arquivo baixado e siga as instruções para instalar o Brave.

  3. Importar configurações

    Durante a configuração, importe favoritos, extensões e senhas do seu navegador antigo.

Precisa de ajuda?

Tenha mais privacidade. Em qualquer lugar!

Baixe o Brave para dispositivos móveis para ter privacidade em qualquer lugar.

Download QR code
Brave logo Clique neste arquivo para instalar o Brave
Clique neste arquivo para instalar o Brave Brave logo