O que consome dados em um celular?

Os dados móveis são usados para que você se conecte à web quando não está no Wi-Fi. Enquanto alguns usuários têm planos de dados mensais ilimitados, outros dispõem de determinada quantidade de dados por mês ou pagam por pacotes à medida que os utilizam. Os dados são medidos em megabytes (MB) e gigabytes (GB). que são unidades métricas. Ou seja, há 1.000 MB em 1 GB.

Neste breve artigo, discutiremos o que são dados móveis, como eles são usados ​​e maneiras de conservá-los para economizar dinheiro e obter maiores velocidades de navegação.

O que são dados móveis?

Dados móveis são a distribuição de dados digitais por meio de redes sem fio. Eles são a conexão invisível (geralmente com um satélite ou uma torre de celular próxima) que permite que você acesse sites e use apps no seu celular ou tablet, mesmo quando está fora de casa.

Os dados móveis são fundamentalmente diferentes do Wi-Fi. Com o Wi-Fi, há uma conexão de dados (geralmente via cabo, fibra ou ethernet) com um hub local, como um modem; essa conexão é transmitida via roteador Wi-Fi. O sinal da transmissão é localizado (na sua casa ou em um café, por exemplo) e está disponível apenas quando você está próximo (a até cerca de 30 metros) do roteador.

Já os dados móveis não exigem que seu dispositivo esteja conectado a um roteador local.

Qual é a quantidade de dados móveis que tenho?

Você usa dados sempre que acessa a web no seu smartphone (e não está no Wi-Fi). Dependendo do seu tipo de contrato, você pode ter uma quantidade limitada ou ilimitada por mês. Também é possível não fazer um contrato e pagar conforme o uso por meio de recargas de dados móveis.

Sua operadora de celular pode informar a quantidade de dados que você tem no seu plano. Também é possível verificar o menu Configurações do seu smartphone, no qual deve haver uma seção Celular que informa a quantidade de dados usados e disponíveis.

O que consome dados móveis?

Na maioria dos casos, os dados móveis são consumido de três formas.

E-mails, mensagens de texto e mensagens diretas. Todas essas funções consomem dados móveis, sendo que a quantidade depende, em grande parte, do que e como você envia. E-mails com fotos em alta resolução anexadas usam muitos dados, enquanto uma mensagem curta dizendo “Estou aqui” não utiliza quase nada.

Navegação na web. Navegar na internet em um dispositivo móvel consome uma quantidade razoável de dados. Isso acontece porque as páginas que você acessa podem ter vários vídeos e fotos. Muitos desses dados de navegação, no entanto, são usados ​​por anúncios e rastreadores invisíveis. Bloqueá-los não só elimina o conteúdo indesejado, mas pode ajudar a economizar dados móveis do smartphone.

Apps. Os apps são, provavelmente, os maiores consumidores de dados do seu smartphone. Qualquer app que precise de conexão à web para ser atualizado ou baixar algum conteúdo usa dados móveis. Isso significa que todos os seus apps de redes sociais ou streaming, do Facebook ao Twitter, passando pelo Spotify e pela Netflix, consomem silenciosamente seus dados.

Formas de economizar dados

Há várias formas de economizar dados móveis. Explicaremos a seguir algumas das mais simples.

Conecte-se a uma rede Wi-Fi

Se você estiver on-line, mas longe de uma rede Wi-Fi doméstica, de trabalho ou pública, estará usando dados. Uma maneira fácil de economizar dados é maximizar a quantidade de tempo que você passa usando o Wi-Fi e minimizar o que você faz quando está longe dele.

Vamos usar o streaming como exemplo. Na definição padrão, a Netflix usa cerca de 1 GB de dados por hora. Já em HD, o consumo se aproxima de 3 GB por hora. (Vale ressaltar que, com a Netflix, você pode controlar o uso de dados diretamente nas configurações.)

O streaming de música usa menos dados, mas ainda pode fazer diferença com o passar do tempo. Assim como os vídeos, as músicas podem ser transmitidas em diferentes taxas de bits; quanto menor for a taxa, pior será a qualidade, mas menos dados você usará. É uma troca. Se você usar 320 kilobytes por segundo (Kbps), a melhor qualidade na maioria das plataformas de streaming, acabará consumindo cerca de 1 GB de dados a cada 8 horas.

Por outro lado, quando você está no Wi-Fi, não usa dados móveis. Portanto, sempre que possível, tente manter seu dispositivo conectado dessa forma. Quando não for possível, procure limitar o que você faz no seu dispositivo móvel. As mensagens de texto não consomem muitos dados, ao contrário do streaming.

(Observação: ao usar o Wi-Fi, verifique se seu smartphone permanece conectado ao sinal. Alguns prédios têm “pontos cegos” que o Wi-Fi não alcança; se você estiver em um desses lugares, seu dispositivo poderá voltar aos dados móveis para compensar a conexão Wi-Fi fraca.)

Tome cuidado ao viajar para o exterior

Os dados móveis geralmente funcionam da mesma forma em todo o mundo (desde que haja cobertura), mas os custos podem variar. Se você pretende viajar para o exterior, é melhor manter o smartphone no modo avião ou desativar os dados móveis no dispositivo e conectar-se apenas a redes Wi-Fi. Seu plano de celular também pode ter ofertas de dados móveis para viagens, mas é importante saber o preço com antecedência.

Verifique o uso dos apps

No menu Configurações do seu smartphone, você encontrará uma lista de todos os apps instalados, juntamente com a quantidade de dados que eles usam. Apps de streaming e que têm muito conteúdo, como Facebook e YouTube, consomem muitos dados, assim como os baseados em localização, a exemplo do Google Maps. É recomendável desinstalar os apps que você não usa com frequência e verificar se ainda há apps sendo executados em segundo plano.

Restrinja os processos em segundo plano

Muitos apps são executados silenciosamente em segundo plano, o que pode consumir a carga da sua bateria e utilizar muitos dados móveis. Considere a possibilidade de excluir apps que façam isso regularmente ou (no Android) use algumas opções avançadas no modo de desenvolvedor para limitar os processos em segundo plano.

Mude para outro navegador

Conforme discutido anteriormente, as páginas da web que você acessa provavelmente estão repletas de anúncios e rastreadores ocultos que exigem dados extras para serem carregados no seu smartphone. Um navegador que bloquear nativamente esses anúncios e rastreadores indesejados economizará automaticamente muitos dados.

O Brave faz isso.

Com as Proteções, o Brave protege sua privacidade de navegação e poupa seus dados móveis. Cada rastreador que não é baixado resulta em economia de dados móveis; com dezenas e centenas de rastreadores bloqueados cada vez que você navega, o Brave pode carregar páginas até 3x mais rápido do que o Chrome, além de usar de 30 a 50% menos dados e proporcionar maior duração da bateria a cada carga.

Comece a usar o Brave!

Related articles

Ready to Brave the new internet?

Brave is built by a team of privacy focused, performance oriented pioneers of the web. Help us fix browsing together.

close
close

Quase lá…

Você está a 60 segundos da melhor privacidade on-line

Se seu download não for iniciado automaticamente. .

  1. Baixar o Brave

    Clique em “Salvar” na janela que aparecer e aguarde a conclusão do download.

    Aguarde a conclusão do download (talvez seja necessário clicar em “Salvar” em uma janela que aparecerá na tela).

  2. Executar o instalador

    Clique no arquivo baixado no canto inferior esquerdo da tela e siga as instruções para instalar o Brave.

    Clique no arquivo baixado no canto superior direito da ela e siga as instruções para instalar o Brave.

    Clique no arquivo baixado e siga as instruções para instalar o Brave.

  3. Importar configurações

    Durante a configuração, importe favoritos, extensões e senhas do seu navegador antigo.

Precisa de ajuda?

Tenha mais privacidade. Em qualquer lugar!

Baixe o Brave para dispositivos móveis para ter privacidade em qualquer lugar.

Download QR code
Brave logo Clique neste arquivo para instalar o Brave
Clique neste arquivo para instalar o Brave Brave logo